Make your own free website on Tripod.com

jesusagua.gif

Algo de mim

Rio do desespero
Tila

hgkrftr1nz3cnzw0.gif

edjorge.jpg

Nasci em Lisboa no dia 23 de Julho de 1954, nessa cidade de gente bairrista e solidária. Adoro as artes, meus tempos livres passo-os a pintar e a escrever, já escrevi poesia agora estou a escrever um livro de prosa a que resolvi chamar passos, adoro musica e fazer novos amigos, a amizade é um valor que deve ser constantemente desenvolvido, não gosto de políticos, advogados, egoistas e propotentes, salvo raro excepções e de todos os que fazem do dinheiro o seu Deus, amo a natureza, os animais e as crianças, acredito em mundos mais evoluídos e pacíficos que este, acredito num paraíso onde o mal não tem entrada, assim como num julgamento final, acima de tudo acredito num Deus justo para os justos, punitivo para os que punem, acredito nas palavras e nos gestos assim como, nos ensinamentos de Cristo.

Acredito nos sonhos e nos homens que sonham, o mal actual da humanidade é a perca da capacidade de sonhar, sobra a agressevidade o egoismo e a falta de valores. Amo o sonho a sensibilidade, alguma loucura  e as pessoas que possuem a capacidade de amar.

Maria Isabel Jorge
beliardimtia.jpg
meu anjo astral

santaana.jpg
Minha Santa protectora

Isabel de Aragão Rainha Santa de Portugal
quadrogoyarainhasanta.jpg
Quadro de Francisco Goya (1746-1828), representando a Rainha Isabel de Aragão, mulher de D. Dinis,

Possa eu não ver
o despertar dos primeiros raios da amanhã

Possa eu não sentir
a imensidão de um terno gesto
de amor ao despertar.

Possa eu um dia vir a ter
pedaços de uma riqueza
de desnecessários confortos

Que nada me fará mudar
O homem que teimo em mim procurar
até um dia me encontrar
neste pedaço de vida sem morte
onde toda a sorte
é poder esperar um dia regressar
a outra vida outro lugar
onde o mal não possa entrar.


oh homem que teimo em ser.

Eduardo Jorge
23 de Dezembro de 2006

os meus filmes preferidos
 
o ultimo dos moicanos
o meu pé esquerdo
voando sobre um ninho de cucos
perfume de mulher
em nome do pai

gifnr34.gif

luz03.gif

luz03.gif

alua.gif

luz03.gif

24/02/2007 11h42 - Mena
Eduardo, tuas palavras transcendem à pequenez desse mundo, tão desigual, tão conturbado, tão permeado de mazelas sociais. Sinto nos teus textos o teu interior lindo, místico, contrito. A beleza da vida que colocas nas tuas palavras vem de dentro de ti. Obrigada pela visita. Adorei. Um abraço.

luz03.gif

leitura preferida
 
as palavras que nunca te direi
o que diz molero
em nome da rosa
e se Deus fosse o sol
 
 

gifnr34.gif

luz03.gif

a minha musica preferida
 
blues
gospel
fado
classica
 
 
emma shapplin
nana mouskuri
neil diamomd
barbara streisand
pink floid
supertramp
joss stone
eva cassidy
gary moore
mariza
 
 

gifnr34.gif

Eu e minha neta linda pedaço da minha alma
09200021.jpg

luz03.gif

45.gif

44.gif