Make your own free website on Tripod.com

jesusagua.gif

Ama-l-ia

Rio do desespero
Tila
Senhora
ambicionei traçar-te um poema
mas como, se tu és a poesia
que o Criador um dia escreveu
em céus de brilho intenso
onde com doutrina de incenso
rimou talento, com ternura
concedeu-te alento e bravura
para sulcares veredas de indecisão,
cederes voz à canção
 
Senhora, tanta gratidão
 
Senhora,
planeou o Divo que fosse teu destino
seres deste povo o seu hino
para imergires profundo
levar um ode ao Mundo
numa expressão de encantar,
instituiu-te marinheira
deu-te a multidão para navegar
a voz para envagelizar,
qual profecta, mensageira.
 
Senhora, tanta admiração.
 
Senhora quando um  dia partires
transportada por anjos sagrados
de regresso ao tecto espiritual,
não te deslembres de levar
teus cânticos, teus fados,
pois Deus ousaras encantar
com essa voz, essa voz celestial.

Um anjo que já está do lado de Deus
amaliaminhaweb.jpg
em cima volta a pagina poesia